Dia #179 Dez tipos de detox (sem suco verde) para fazer em 2016

grudge

Meu texto sobre detox de Whatsapp foi publicado no HuffPost! Cliquem, cliquem, cliquem!

Este texto me inspirou a pensar em outros detox que podemos tentar em 2016 e não envolvem suco verde.

1. Detox de compras por impulso – Aqui nós já estamos craques 😉

2. Detox de lixo – Que tal testar algumas ideias e receitas da Cristal este ano? Ela publica ótimas reflexões sobre os impactos dos nossos hábitos no blog Um ano sem lixo.

3. Detox de comida que faz mal – Todo mundo tem algum alimento que não cai bem e sempre traz arrependimento. Ao invés de entrar numa dieta detox toda verde, pode ser uma boa ideia começar o ano cortando esses velhos conhecidos.

4. Detox de gente chata – Fique perto de quem você gosta e confia. Ponto.

5. Detox de tralha – Aproveite o começo do ano e faça uma faxina geral em casa para se livrar de tudo aquilo que está sobrando. Capricha no som e manda ver!

6. Detox de comparações nas redes sociais – “A Luana tá em Paris tomando champagne e eu aqui, fazendo hora extra”, “Mariana aproveitando a piscina e eu nesse calor dos infernos”, “Minha prima já terminou a segunda pós graduação”… Apenas não caiam nessa. Todo mundo está muito feliz e contente nas redes sociais, mas ainda não conheci ninguém que não tivesse seus dias bons e ruins. Não é saudável ficar se comparando o tempo todo.

7. Detox de sedentarismo – Não desista até descobrir uma atividade que você goste!

8. Detox de competição feminina – O machismo lucra muito nos colocando umas contra as outras. Tenha sororidade e apoie outra mulher sempre que puder.

9. Detox de procrastinação – Faça logo o que você tem que fazer e assim sobra tempo para o que você quer fazer. A matemática é simples: enquanto você enrola, o tempo vai passando e quando você finalmente elimina aquela tarefa não sobrou nenhuma horinha pra você ler aquele livro ou fazer máscara no rosto.

10. Detox da crítica – Somos ótimos em encontrar defeitos nos outros, hein? As pessoas vivem falando mal umas das outras sem nem se dar conta de como isso é negativo. Quando não puder falar nada de bom, fique em silêncio. Quando puder elogiar, não deixe de fazer isso. O mundo fica bem mais bonito.

(ilustração: Karolin Schnoor)

IMG_7435

IMG_7437

Veja outros looks com as peças usadas hoje:
short-saia preto
regata floral

Dia #128 Crise para iniciantes

A nossa geração (nascidos entre 1980 e 1990) está vivendo a primeira crise econômica e talvez não estejamos lidando muito bem com o momento. Um sinal disso é que quase metade dos endividados com cartão de crédito no Brasil têm menos de 29 anos (dados do Credicard Itaú). Some isso ao aumento dos juros em 2015 (mais de 300% no cartão) e temos uma geração quebrada.

Sim, o custo de vida está muito alto. Se você mora sozinho provavelmente gasta mais do que os 30% do orçamento com aluguel. Se mora com os pais, a impressão é de que nunca mais vai conseguir sair de lá porque o dinheiro não sobra.

Aposto que você não esperava que os 30 fossem assim.

Mas, vamos lá, não há motivos para deitar no chão em posição fetal e chorar (talvez haja, mas não precisamos fazer isso). Li uma matéria ótima na Galileu desta semana e separei algumas dicas para nos ajudar a atravessar essa barra juntos 🙂

1) Pagar o cartão é prioridade máxima – Com juros tão altos, se livrar das dívidas no cartão é o melhor investimento a se fazer. Corte todas as compras supérfluas até que as contas atrasadas estejam em dia.

2) Não parcele compras – Só compre o que você puder pagar à vista (ou na próxima fatura do cartão). Você não sabe como estará sua vida financeira nos próximos meses, então não vale a pena acumular parcelas de 6 ou 12 vezes. Um exemplo pessoal: parei de comprar em julho, mas ainda estou pagando compras antigas no cartão. Isso me dá a maior tristeza e só me livrarei dessas parcelinhas malditas em janeiro.

3) Anote todos os gastos – Só assim você vai saber onde seu dinheiro está se esvaindo. Foi assim que eu descobri meu buraco no orçamento com as roupas, lembra? Mas isso pode acontecer em qualquer pequena coisa. Por exemplo, comer fora todo fim de semana + pedir pizza toda sexta + barzinho toda quinta + cinema toda quarta podem representar, facilmente R$1500 por mês (o que pode ser metade ou um terço do seu salário, certo?).

4) Reduza o consumo – Vale para tudo, afinal, já descobrimos que não precisamos comprar tanta coisa, né? Mas dê atenção especial aos itens que você identificou como críticos no seu controle de gastos do item 3. Se o seu furo foi compras, dê uma analisada em tudo o que você já tem e repense se precisa mesmo comprar mais coisas. Se os gastos com saídas, restaurantes e encontros com amigos estavam muito altos, que tal marcar programas em casa? Reúna maratona Netflix, amigos que sabem cozinhar e bons drinks e todo mundo vai ficar feliz (até porque não está fácil pra ninguém).

5) Venda, doe e troque – Aproveite o momento para fazer a arrumação que a sua vida (e o seu armário) precisa e desapegue de tudo aquilo que você acumulou em tantos anos de consumismo. Pode rolar uma graninha extra vendendo as melhores coisas no Enjoei. Ou você pode trocar por outras coisas com amigos ou nos bazares de trocas (tem vários no Facebook!). Além disso tudo, você ainda pode fazer uma super doação para quem precisa. Aproveita que o Natal está chegando! ❤

Agora, look do 128º dia sem comprar:


Veja outros looks com as peças usadas hoje!
calça jeans
regata floral
cardigã listrado

Quais são as 50 peças

Aqui estão catalogadas todas as 50 peças de roupa que vão fazer parte do desafio. Elas também estão listadas aqui no lado esquerdo da página, onde você pode clicar em cada uma para ver os looks que já foram feitos com a peça 😉

50-pecas

Dia #36 Buquê de flores

Meu novo armário pode ser resumido em: preto, branco, listras, flores e alguma coisa de azul. Mais tarde vou publicar aqui as fotos das 50 juntinhas e vocês vão entender o que eu estou falando. Mas já que hoje eu vim de flores, queria falar sobre essa estampa maravilhosa que a natureza nos deu. Estampa floral consegue me deixar animada instantaneamente. Dá leveza, feminilidade e graça ao look da semana.

IMG_7517

IMG_7512

IMG_7513

Veja outros looks com as peças usadas hoje!
regata floral
calça jeans